InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se



 


Compartilhe|

[Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades)

MensagemAssunto: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades) Sab Set 30 2017, 15:26


Espião

do

Submundo



Pandora no Castelo de Hades sente o cosmo na Ilha da Rainha da Morte. Cavaleiros de Ouro e Cavaleiros Negros em um mesmo local.

Hades de seus aposentos chama Pandora e lhe conta o que está ocorrendo: Os guerreiros da Ilha da Rainha da Morte reclamaram suas armaduras e estão se reunindo de forma independente como uma terceira grande força além dos Santos de Atena e dos Espectros de Hades. O deus manda Pandora enviar algum de seus mais confiáveis para ir até lá os convencer a se aliarem.

Pandora se retira e volta aos salões do castelo. Ela convoca Masato de Benu.

- Você deve ter sentido esses cosmos se reunindo em um ponto. Essa é a Ilha da Rainha da Morte, um local que os humanos dizem ser o Inferno na Terra. Vá lá e lhes ofereça uma proposta para se unirem a nós. Creio que haverá alguns Santos de Atena também, se preferir pode espioná-los para sabermos o que tramam. Leve como objetivo principal formar essa aliança. Pode partir

Explicação

Essa é uma missão em conjunto ao narrador. A primeira parte você deve descrever sua ida até a Ilha da Rainha da Morte, após isso o narrador lhe dará um caminho a seguir. Mínimo de 15 linhas.



Última edição por Wolfwood de Câncer em Dom Out 01 2017, 14:39, editado 2 vez(es)
MensagemAssunto: Re: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades) Sab Set 30 2017, 16:42

Após as ordens de Hades terem sido repassadas a Masato, instantaneamente mil perguntas já se passaram em sua mente, pela personalidade de Benu, ele gosta das coisas bem claras e explicadas ao máximo, por isso poderia fazer 'n' questões à Pandora, mas por sua eterna confiança em seu Deus do submundo, abaixou a cabeça e disse a Pandora, enquanto já caminhava para a saída:

- Certo. Vou cumprir essa missão custe o que custar, diga a Hades que quando possível quero me encontrar com ele.

Logo após sair do castelo de Hades, Masato começou a se dirigir imediatamente para a Ilha da Rainha da Morte, ele já havia tido informação o suficiente para ser cauteloso desde o começo da missão, sabendo já que lá haveriam muitas pessoas com um nível elevado de força e mesmo que queresse isso, ainda não era hora de procurar um confronto direto com elas, então, enquanto caminhava já repassava em sua cabeça cenários e estrategias necessárias para evitá-los ao máximo, mas tinha em mente também que poderia e queria espionar os guerreiros de Atena, não só pelo fato de que isso traria benefícios à Hades, mas também por que Masato sempre se interessou pela lealdade infinita que eles têm por Atena e sempre que possível gosta de ver o quanto se esforçam por ela, e quais motivos o levam a tal sentimentos. Isso se deve ao fato de que nem Masato sabe os motivos de tal afeição que ele sente por Hades, e acha que observando os cavaleiros de Atena pode acabar descobrindo sua motivação e assim os "copiando" pode ficar ainda mais devoto à Hades, que é seu único atual objetivo.

Durante o caminho, Masato sempre estava atento se algo diferente se aproximava e parou apenas uma vez, quando já estava perto da Ilha, para que pudesse descansar e chegar lá com todo o equilíbrio físico e mental que era muito importante em uma missão tão importante e stealth como essa, logo que descansasse o suficiente, entraria na ilha em busca de completar sua missão.
MensagemAssunto: Re: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades) Sab Set 30 2017, 17:21


Masato renovou suas forças com o descanso e agora estava preparado físico e mentalmente para a missão proposta, como planejado adentrou a Ilha da Rainha da Morte após despertar, agora estaria começando de fato sua missão. Antes que pudesse iniciar sua investigação pela ilha o espectro se viu em um dia de sorte: avistou um barco ancorando na ilha e apenas 2 homens descendo a praia e iniciando um diálogo. Poderiam eles serem os santos de Athena que Pandora alertou poderem existir no local? Masato tinha como objetivo opcional investigar tais guerreiros para obter informações sobre o exército inimigo, e em sua mente ele de fato queria cumprir este objetivo até mesmo por questões pessoais, para se encontrar e descobrir o motivo de sua devoção.

Para cumprir seu objetivo o espectro certamente teria que chegar na localidade antes dos 2, estar um passo a frente do inimigo é essencial e o espectro tinha a vantagem de saber da existência destes 2 suspeitos, em contrapartida eles não tinham avistado-o e não sabiam de sua permanência na ilha. Masato deveria explorar esta vantagem para recolher informações dos moradores antes que os 2 conseguissem alguma resposta e conseguissem falar com os guerreiros que Hades havia interesse. Era crucial a coleta de tais informações para seu objetivo, não podia perder tempo. Observando o norte era possível ver um pequeno povoado da ilha onde ele certamente poderia avançar em sua busca. Havia um pequeno número de residentes circulando pelo local e talvez eles soubessem de alguma informação útil. O local possuía algumas casas simplórias e um poço de onde tiravam de tomar. Algumas vestes casuais estiradas em varais para a secagem e um grupo de crianças brincando de pique-esconde. Ao longe era possível ver o Vulcão da ilha, mas por hora talvez fosse melhor evitá-lo.

Novo Objetivo: Tente chegar nos guerreiros antes dos cavaleiros de Athena. É necessária a coleta de informações para avançar.

Off: Neste povoado existirá um NPC com as informações necessárias e você poderá usar isto em seu texto, diga que ele lhe passou as informações que você precisava, contudo NÃO DESCREVA-AS, eu farei isto em minha próxima postagem.
MensagemAssunto: Re: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades) Sab Set 30 2017, 17:41

Logo ao chegar à ilha, Masato sentiu e viu a presença de 2 homens descendo ainda na praia, haviam grandes chances de que eles fossem os guerreiros santos de que Pandora havia comentado, e assim, manter distancia deles era crucial, mas o suficiente para poder observá-los e estar assim sempre a frente deles. Masato sempre foi muito calculista, então, teve um raciocínio rápido e logo ao avistá-los já percebeu que tinha uma certa vantagem e se dirigiu a vila, sempre os vigiando e escondendo seu cosmo ao máximo. Essa era a missão perfeita para personalidade de Masato, que não confia cegamente em ninguém e analisa cada expressão mesmo que corporal de quem está dialogando.

Assim que teve certeza que não estava chamando muita atenção, se aproximou do povoado, se misturando em meio aos residentes e de forma discreta os pedindo informações dos guerreiros que estavam se juntando e reclamando suas armaduras. Masato não pararia de reunir informações enquanto não achasse algo realmente útil, ou percebesse que a distancia que os dois homens suspeitos estava arriscada para continuar ali.
MensagemAssunto: Re: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades) Sab Set 30 2017, 18:02

Um soldado raso de Hades avistou Masato, pedindo informações para os moradores. Se aproximou e alertou Masato para que não o fizesse, poderia haver cavaleiros negros disfarçados por aqui.

- Vou lhe dizer tudo que precisa saber. Ao adentrar na floresta será comum que veja várias rotas porém apenas uma delas é correta e mesmo nessas existem várias armadilhas e animais selvagens. Não seria problema para um espectro de alto nível, é claro. Existe um padrão porém e fique atento neles: em cada uma das trilhas que deve entrar existe uma árvore com marcas de punhos. Seja cuidadoso senhor.


OFF: Descreva sua passagem pelo caminho e as armadilhas até chegar ao templo onde os cavaleiros negros se encontram. O mínimo é de 15 linhas.
MensagemAssunto: Re: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades) Sab Set 30 2017, 21:24

Após ser alertado pelo soldado de Hades, seguiu seu conselho e partiu em direção a floresta, recebeu a informação de que a floresta era traiçoeira e que haviam varias trilhas falsas, e mesmo na correta existiam armadilhas e animais selvagens, porém, o padrão facilitava com as marcas nas árvores e além disso, para um guerreiro que já treina a muito tempo, uma floresta cheia de armadilhas não era nenhuma novidade, muito menos animais selvagens, era algo que beirava o cotidiano na vida do jovem de Benu.

- Obrigado soldado, me lembrarei de seu rosto caso precise de mim no futuro. - Disse Masato com um sorriso falso enquanto caminhava para floresta.

A floresta era escura na maioria das partes e em suas moitas dava para sentir a presença de vidas selvagens, animais que ali habitavam.

Masato poderia facilmente queimar tudo e criar uma trilha ele mesmo para o templo, porém, além de chamar muita atenção, seu objetivo era evitar o máximo de armadilhas e deixá-las prontas para que assim afetassem também os dois cavaleiros que haviam desembarcado na ilha mais cedo.

O fogo que Masato usava para clarear sua passagem afastava a maioria dos animais que tentavam se aproximar, e os que se encorajavam ou o atacavam por medo, eram facilmente amedrontados por pequenos disparos que o jovem fazia, apesar de não se afeiçoar por pessoas, Masato tinha boa afinidade com animais e evitava ao máximo ter que matá-los.

Mesmo andando cautelosamente, Masato acabava por quase ativar uma ou outra armadilha que atrapalhavam seu caminho, mas conseguia se safar. Depois de checar as árvores que haviam os punhos, Masato as queimava e deixava um rastro especifico que só ele poderia entender, para que pudesse voltar depois, uma marca de fogo, e deixou algumas outras marcas falsas com marcas forjadas de punhos nas outras árvores, tudo com o intuito de dificultar e atrasar os cavaleiros que também poderiam almejar ir em direção ao templo. Mesmo gastando mais tempo com isso, Masato sabia que isso seria útil futuramente e acabou por tomar essa decisão.

Depois de muito caminhar e terminar seu plano de atrasar os outros homens, Masato finalmente chega ao templo dos cavaleiros negros, onde seu objetivo principal está.


MensagemAssunto: Re: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades) Sab Set 30 2017, 22:04

Benu finalmente passou por todos obstáculos e chegou ao templo dos cavaleiros negros. Lá havia um homem porém, e talvez o espectro tivesse fracassado em sua missão já que alguém aparentemente o esperava ali

- Finalmente chegou, pensei que demoraria alguns dias até chegar. Acho que subestimei os invasores. Escute, normalmente teríamos atacado vocês na entrada da Ilha mas queríamos saber a real força dos outros cavaleiros. Vocês são o que chamamos de marionetes não é mesmo ?

O homem parecia debochar dos inimigos, se sentia confiante e exalava um cosmo terrível. A sensação de estar perto dele remetia aos fossos do inferno, era alguém que fazia jus ao título de cavaleiro do apocalipse.

- Por que está aqui ? Diga para que eu possa julgá-lo ou não como uma ameaça.

O guerreiro indaga o outro para uma batalha labial, uma guerra, uma negociação.


Mínimo de 15 linhas. Convença-o a se juntar ao Imperador Hades contra Atena.
MensagemAssunto: Re: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades) Dom Out 01 2017, 10:07

Ao chegar no templo, já havia um homem esperando Masato, algo que não seria o comum, mas que ainda não indicaria nada de muito especial, já que como é um templo respeitado era de se esperar alguma proteção.

- Finalmente chegou, pensei que demoraria alguns dias até chegar. Acho que subestimei os invasores. Escute, normalmente teríamos atacado vocês na entrada da Ilha mas queríamos saber a real força dos outros cavaleiros. Vocês são o que chamamos de marionetes não é mesmo? - Indagou o homem desconhecido até então.

Nesse momento, na cabeça de Masato ja começou a traçar o perfil do homem, ele era presunçoso e arrogante, ou pelo menos estava se fazendo para o testá-lo, depois de analisar bem tal situação, percebeu que teria que ser cuidadoso com as palavras, e ao mesmo tempo objetivo e direto, para que não deixasse uma primeira impressão errada de suas intenções.

- Mariontes... Você diz? De fato, a maioria dos espectros de hades são apenas marionetes, mas até as marionetes tem sua função para que o objetivo central seja concluido.  Eu sou Masato de Benu, da estrela da violência. Sua presença é avassaladora, hein. Não esperava nada menos, afinal, é por esse motivo que estou aqui, representando o Deus do submundo Hades e ninguém menos que ele, recebi um pedido direto de que fizesse uma aliança com vocês, dessa vez queremos ter certeza que o atentado contra Atena não será em  vão. Claro, sabemos que vocês também tem seus próprios planos e que vocês teriam a disposição do nosso exercito para realizá-los também, depois que resolvêssemos algumas questões, quero dizer, isso seria uma relação onde os dois sairiam beneficiados.
- Enquanto fazia seu discurso, Masato olhava atentamente para os olhos do homem, e também para como seu corpo se comportava ao que ele falava, em outras palavras, sua expressão corporal.

Masato era claramente um sociopata, e por esse motivo não teria problemas para esconder seu real sentimento, apesar de que, ele concordava com o fato de que tanto Hades quanto Atena tinham muitas adições em seu exercito que não passavam de marionetes, tanto que, Masato não se sentia inferior à ninguém nem no exercito de Hades, a não ser o próprio. E sobre a presença dele ser algo que fazia jus ao de cavaleiro do apocalipse, Masato constantemente ficava de pé diante de Hades, Pandora e até os deuses gêmeos, então, estar perto de alguém com uma presença forte não é nada de especial ou que afetasse o comportamento de Benu.
MensagemAssunto: Re: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades) Dom Out 01 2017, 11:00

Narração

-Presunçoso você, acha mesmo que nós nos curvaríamos ao Imperador do Submundo ? Já conhecemos o inferno e você é apenas mais um que ele cuspiu para fora. Se prepare!

Mesmo sem trajar sua armadura o homem avançava sobre Benu. O olhar confiante indicava algum poder e seu cosmo, arrepia apenas de imaginar. Seus movimentos eram rápidos, rápidos demais para o jovem Benu.

- Sinta meu cosmo!

Status:
 

Com essas palavras o inimigo iniciava um ataque contra Benu em uma velocidade avassaladora.

Fim da Narração

OFF: Você sabe como faz uma postagem em combate certo ? Você se defende ou contra-ataca e espera uma resposta do narrador para decidir o resultado. Faça em 7 linhas explicando seus movimentos e sua reação. Boa sorte
MensagemAssunto: Re: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades) Dom Out 01 2017, 11:19

Masato não era nenhum amador e já esperava que com a postura em que o cavaleiro negro estava inicialmente, nenhuma conversa o faria mudar de opinião tão facilmente, por isso, mesmo que o ataque fosse rápido, por Masato já esperar, tentava defende-lo e repreendê-lo para trás. Mesmo assim, a agilidade de seu oponente era um empecilho para o jovem Benu, ele tinha que restringir seus movimentos se quisesse ter alguma chance de convencê-lo a se juntar à Hades sem sofrer muitos ataques. Assim, disparava seu contra-ataque com Corona blast, mas não para acertá-lo em cheio e sim para que prendesse o cavaleiro negro em suas chamas, e assim, afastando-o para poder continuar conversando, mas mesmo assim mantendo sua guarda alta já que não conhece os movimentos de seu agressor.

- Não queremos que os cavaleiros negros se curvem para Hades, queremos apenas uma aliança onde ambos saem beneficiados, onde os dois saiam com seus objetivos concluídos, vocês conhecem o antigo inferno, mas dessa vez estamos renovados e com novas ideias para acabar de uma vez com todas com a guerra santa.

Spoiler:
 
MensagemAssunto: Re: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades) Dom Out 01 2017, 11:36

Narração

Benu falava e tentava defender, contra-atacar e ainda convencer o inimigo mas a velocidade dele era acima da sua. Mesmo um cosmo daqueles raramente era visto no exército tanto de Hades quanto de Atena.

Antes que o golpe acertasse Benu um forte cosmo o protegeu. O soldado raso que antes havia visto agora vestia a sobrepeliz de um dos juízes, Wyvern.

- A Senhorita Pandora já deveria saber que esses renegados não se juntariam a nós. Sairemos daqui agora, testemunharei em seu favor para que não seja punido. Fuja agora Benu!

Mesmo para o espectro de Wyvern aquele era um cosmo muito poderoso para ser rebatido. Logo após a retirada de Benu ele faria o mesmo.

Fim da Narração

OFF: Último post seu. Fuja da ilha, a batalha continuará depois. 10 linhas para fugir e se apresentar no Castelo de Hades. Tome em conta que para seu senhor a sua missão foi um fracasso.
MensagemAssunto: Re: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades) Dom Out 01 2017, 11:50

Aparentemente o cavaleiro negro não era nada comum, muito pelo contrário, era algo extremamente forte em que até um dos juízes teria problema caso precisasse enfrentá-lo, mesmo que junto de Benu. Logo ao perceber isso e ser alertado por Wyvern, aproveitou a brecha que o juíz o deu e começou partir em retirada.

- Parece que quem acabou me ajudando mais uma vez foi você, não me esquecerei disso, Wyvern! - Dizia Masato enquanto ja batia em retirada em direção a floresta.

A partir de agora era fácil, Masato já havia deixado suas próprias marcas para não se perder durante o percurso e sair da floresta era algo extremamente tranquilo, mesmo que em alta velocidade.

Saindo da ilha da rainha da morte, a cabeça de Masato estava uma tempestade de pensamentos onde em todos os cenários, de fato a fuga era a melhor opção, mas todo cavalheiro tem um orgulho, mesmo que Masato não se importe tanto para essas coisas, era algo que ele não esqueceria tão cedo e que afetou diretamente sua personalidade forte. De qualquer forma, fez o mesmo caminho que fez ao ir, e voltou ao castelo de Hades, sabendo que Wyvern o daria cobertura  contra a punição que era certa, já que a missão foi um fracasso.
MensagemAssunto: Re: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades) Dom Out 01 2017, 12:10

Narração

Pandora se encontrava no salão do castelo para recepcionar Benu. Sua face parecia calma mesmo após saber do ocorrido, também não parecia irritada com o espectro. Tocava sua harpa graciosamente como uma deusa cheia de amor ao mesmo tempo que criava uma atmosfera intimidadora no local.

- Fiquei sabendo do ocorrido. Não precise se explicar, acho que subestimamos o inimigo. Mesmo assim Benu, não desistiremos de tê-los como aliados. Uma vez graças aos renegados mais poderosos da Ilha da Rainha da Morte o exército do Imperador Hades conseguiu sair vitorioso contra Atena. Se prepare, há outros companheiros de exército que irão te acompanhar nas próximas missões. Está dispensado.


Fim da Narração


Recompensas:
 
Conteúdo patrocinado
MensagemAssunto: Re: [Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades)

[Prologo] Espião do Submundo - Os Cavaleiros do Apocalipse (Hades)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo
Página 1 de 1

Tópicos similares

-
» Treinamento de Cavaleiros Alados
» {Prologo} O destino começa aqui
» Cavaleiros do Zodiaco Rebirth
» Missão de Rank D - Turistas ou Espiões?
» Onde acho mais dessas sprites?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Saint Seiya Conquest :: Geral :: Trama :: Os Cavaleiros do Apocalipse-